A curiosa origem das palavras e expressões utilizadas no nosso dia a dia.

domingo, 25 de dezembro de 2011

Peru

.






O Peru, o animal, tem o curioso nome de um país e o seu nome varia consideravelmente de língua para língua. 


Pois bem, o peru selvagem é nativo das florestas da América do Norte, pensa-se que a sua domesticação aconteceu na actual região do México. Neste país, é chamado de "guajolote", palavra de origem azteca, cuja língua era o "nahuatl" (que quer dizer língua suave e doce). Nessa língua o peru era chamado de "Huey xólotl" que quer dizer "grande monstro".


Foram os espanhóis que trouxeram o peru para a Europa, que chamaram de "pavo", ou seja "pavão", este último é chamado de "pavo real". Ora, como para nós, portugueses, tudo o que vinha da América espanhola vinha do Peru, assim ficou conhecida esta ave entre nós, quando ela ainda nem existia no início da colonização nesse país.


Em França, o peru tem o nome de "dinde", uma contracção da "coq d'Inde" (galo da Índia) ou "poule d'Inde" (galinha da Índia). A confusão advém de que a América era conhecida como a Índia ocidental, por oposição à Índia oriental.


Introduzida pelos mercadores do Mediterrâneo Oriental no actual Reino Unido, os ingleses chamaram ao peru de "turkey", dado que para eles tudo o que vinha do oriente era turco.
Na Turquia é chamado de "hindi".
Essa mesma confusão fez com que os alemãs chamassem o peru de "calecutisher hahn", ou seja de "galo de Calcutá".
Em Israel o peru é chamado de "tarnegol hodu", ou seja de "galo da Índia".



.

Sem comentários:

Enviar um comentário