A curiosa origem das palavras e expressões utilizadas no nosso dia a dia.

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Adultério

.










O "adultério" é uma violação, transgressão da regra de fidelidade conjugal imposta aos cônjuges pelo contrato matrimonial, cujo princípio consiste em não manterem relações carnais com outrem fora do casamento (diccionário Houaiss).


Posteriormente, o verbo "adulterar" também significa deturpar, falsificar, corromper.


A palavra adultério vem do latin "alius" (outro), a forma comparativa em latin "alter" (que significa outro, para além de dois), essa palavra vai evoluir para o plural "alteri" (outro, no sentido geral).


Sobre esse adjectivo vai ser formado o verbo "altero" (alterar, falsificar, tornar noutra coisa).


Juntando o prefixo "ad-", temos então "ad-altero", mais tarde transformado, por evolução fonética, em "adultero".


Em latim, a evolução fez com que "adultero" designa-se o sentido geral de "corromper", e particularmente o de "corromper uma mulher", o seja de "cometer adultério".


Esta palavras encontra-se em todas as línguas de origem latina e em inglês.


"zina" é a palavra árabe para designar "uma relação ilícita". Em hebraico utiliza-se a palavra "zana" e em arménio "zanita" significa "prostituta".







.

1 comentário: